sábado, 25 de maio de 2019

ORGULHO BONJESUENSE



       Wilma Martins Teixeira Coutinho


Quando eu disse certa vez
Que Bom Jesus era terra
De homens desbravadores
Com toda empolgação!
Que deu dois Governadores

Falava com muita base
Hoje uma lutadora
Deste seio varonil
Mostra a sua garra
Em defesa do Brasil

Ministrando o BNDES
Empresa de grande porte
Essa filha valente
Vai usar um pulso forte
Para o Brasil ir para a frente
...ORGULHO  de sua gente

26/06/2016

Festa Político Cultural em Portugal

Companheiras/os,

Estamos propondo, com o *Cebrapaz* _(Centro Brasileiro de Solidariedade aos Povos e Luta pela Paz)_, uma viagem a Portugal, para participar da festa político-cultural do Avante, promovida pelo Partido Comunista Português, que se realizará nos dias 06, 07 e 08 de setembro. É uma festa que se tornou referência no roteiro cultural da Europa, e é uma atividade política marcante dos socialistas daquele continente, coordenada por um dos partidos mais respeitados do mundo civilizado.

Pensamos também num roteiro adicional, para conhecer intimamente Lisboa e os sítios históricos em suas vizinhanças, saindo do Brasil dia 31 de agosto à noite, de Salvador e Brasília, em voos diretos para Lisboa, onde chegaremos dia 1º de setembro pela manhã.

É uma oportunidade de conhecer um país que está na origem de nossa história moderna, um país com características progressistas e democráticas que contrasta com o período de autoritarismo, obscurantismo e reacionarismo que estamos vivendo atualmente. Uma oportunidade de conviver com pessoas que lutam por mais direitos para o povo, mais liberdade, mais igualdade, mais respeito à diversidade, e não menos. Um espelho de conquistas pelas quais lutamos hoje no Brasil.

Será também um momento de confraternização, de vida cultural intensa, de apreciarmos uma gastronomia famosa por suas ótimas comidas e bebidas, um povo alegre, festivo e musical, que tem no fado o seu repertório mais conhecido.

Como temos tempo limitado, por razões práticas do período em que viajaremos, pensamos em nos concentrarmos em Lisboa e vizinhança. Evidentemente, quem dispuser de mais tempo poderá esticar a viagem por mais algum tempo, por conta própria, para conhecer melhor todo o país (alguns lugares mais distantes de Lisboa, como Coimbra, Óbidos e o Porto tem um apelo muito forte). É possível, também, aproveitar o tempo livre para fazer alguns roteiros alternativos em várias cidades e locais relativamente próximos.

Uma observação final: por razões práticas, estamos limitando o número de pessoas que irão nesta caravana. Pretendemos ter um ônibus turístico à nossa disposição para percorrer todo o roteiro, por isso entendemos que o número ideal seria de 35 pessoas, chegando, no máximo, a 40 pessoas, a lotação de um ônibus. Por isso, após esse número ser completado, não aceitaremos novas inscrições.

O roteiro que estamos propondo é o seguinte:

*ROTEIRO*

*31 de agosto - sexta-feira*
_Noite_ - embarque para Lisboa, partindo de Salvador e Brasília

*1º de setembro - sábado*
_Manhã_ - chegada em Lisboa - traslado para o hotel
_Tarde_ - livre
_Noite_ horário de saída e retorno do hotel:  a depender do horário do show - clube de fado (sugestões de locais: “Lisboa à Noite”, “Machado” ou “Parreirinha de Alfama”)

*02 de setembro - domingo*
_Manhã_ - saída do hotel: 08h City tour por Lisboa
_Almoço_ - a Agência deixa a gente na Praça do Comércio às 13h - exposição de Botero. Almoço e passeios à tarde e noite sem assistência da agência.
_Tarde_ - passeio no Bonde 28 (um incrível e emocionante tour oferecido pelo serviço de bondes de Lisboa que sai da Praça do Comércio a um preço bem baixo)
_Noite_ - livre

*03 de setembro - terça-feira*
_Manhã_ - às 08h saída de Lisboa para Sintra para visitar a cidade e os Palácios de Setais e Palácio da Pena (dois maravilhosos palácios construídos e ampliados pelos Mouros nos 500 anos de invasão da Península Ibérica. Ambos têm mais de mil anos e foram cenário de muitos momentos inesquecíveis da história Portuguesa que também remetem à nossa história. São belíssimas construções. Sintra fica a cerca de 30 km de Lisboa e é uma cidade muito bonita com uma sede preservada e com boas lojas de vinhos e de lembranças.)
_Tarde_ - às 17h retorno a Lisboa.
_Noite_ - livre

*04 de setembro - quarta-feira*
_Manhã_ - saída do hotel às 08h - visita à Catedral da Sé (30 mim)
- visita ao Castello de São Jorge no bairro de Alfama (1:30h)
- visita ao Mosteiro dos Jerônimos (onde estão sepultados os navegantes, entre eles Vasco da Gama e o Poeta Luís de Camões) e visita ao Museu da Marinha, na extremidade dos Jerônimos (com modelos lindos de navios e cartas cartográficas bem antigas.) (1:30h)
_Tarde_ - visita à orla em frente ao Mosteiro onde tem o Monumento aos Descobrimentos e a Torre de Belém (30 minutos)
* sugerimos almoçar num restaurante no bairro de Belém e de sobremesa comer os famosos pastéis de Belém na mais tradicional doceira.
* aqui vai parar para o almoço umas 13:30 e vamos chegar de volta ao hotel depois do Almoço às 17 horas.
_Noite_ - livre

*05 setembro - quinta-feira*
_Manhã_ – saída de Lisboa às 08h
- visita ao Palácio de Queluz.  (fica a 15 KM de Lisboa. Era a residência oficial da família real portuguesa. Para os brasileiros é especialmente importante pois aqui nasceu e morreu D. Pedro I. O quarto está preservado e a cama onde nasceu e morreu está intacta, O Palácio é a Versailles de Portugal.)
_Almoço_ = na volta, almoçaremos em Cascais, depois de conhecer a Boca do Inferno (um lugar lindo, impressionante, ótimo para fotografias, as ondas abriram cavidades nas falésias, e a visão da vastidão do Atlântico batendo naqueles paredões de pedra é incrível. É a Costa do Estoril muito perto de Lisboa e tem restantes de frutos do mar maravilhosos.)
retorno às 16h
Resto da tarde e noite livres

*06 de setembro - sexta-feira* 
FESTA DO AVANTE

*07 de setembro - sábado*
FESTA DO AVANTE

*08 de setembro - domingo*
FESTA DO AVANTE

*09 de setembro - segunda-feira*
_translado hotel – aeroporto_
_retorno ao Brasil_

VENHA CONOSCO!
AVANTE PORTUGAL!

Abraços,
*Coordenação da Caravana Avante Portugal* & *Cebrapaz*
Adele Bei
Inês Freire
Irene Prazeres
Ivone Souza
Lúcio Flávio
Thamar Dias
Barreto
Galindo
Luma

Magnífico histórico do Colégio Rio Branco

                             Joel Boechat


Uma pessoa que se apresenta  muito simples, mas com um frutuoso Ideal, merece, como está sendo feito, ter sua memória muito bem preservada.

O professor José da Costa Jr, senti, na prazerosa visita que fiz ao Espaço Cultural Luciano Bastos,  que está e, estará para todo  o sempre,  reverenciosa e meritoriamente proclamado.

Lembro do meu tempo de
criança (faz tempo)... como saudávamos nossos mestres carinhosamente, independentemente do
peso da lousa, livros e
cadernos brochura que
Levávamos para a  Escola...

Penso no orgulho do mestre José da Costa Jr e de seus colegas e continuadores,
apreciando o  resultado da
Sua Obra.

Também a homenagem do  Nobre nome do
Barão do Rio Branco, galhardo defensor dos
limites territoriais do Brasil
ardorsamente por ele  advogado.

Cumprimento a todos e
os parabéns pelos 99 anos...
Bom Jesus e sua afetuosa gente merecem!
Amigos do peito...
      E amigos de ocasião
......................................
   
                             Joel Boechat

Cantinho
                Do cordel


Semelhante atrai
Semelhante
Como elétricos sinais
Se agrupam aos seus
iguais ...

Amigos devem ter
Mesmos Sentimentos
Mesmos pendores
E os mesmos ideais

Um bom pensamento
E um só coração
Seja na abundância
Seja na falta do pão

Veja como se ganha
Amizade
É a minha opinião ...

Com gentileza se colhe
O melhor da semente
Que foi muito bem
Escolhida ...
E plantada boamente

O fruto não se antecipa
À flor
Ainda que a fertilize
Com adubo do seu
Amor

Amizade se destrói
Como na demolição
Com força do dinamite
Na curso da implosão
De que vale amizade
Sem amor no coração

Cuidado muito cuidado
Preste  bem sua atenção
Amigos, às vezes são
Como aves de arribação
Se faz bom tempo eles
Vem
Se faz mau tempo eles
Vão

Lembrança do infiel
Ficará
Junto a restos mortais
Dentro do mausoléu
Com as mesmas
Impurezas
Der uma recordaçao
cruel

No  Campo-Santo
Encômios à Bondade ...
E muita  dissimulação ...
Todos querem pegar
Nas alças
De tão sombrio caixão

De uma coisa podes ter
Certeza... Repito
É a minha opinião
Só se depara falsidade
Em amigos de ocasião.

Lição de vida

Rogerio Loureiro Xavier

Olá pessoa amiga e do bem.


Um grupo de profissionais, todos vencedores em suas respectivas carreiras, reuniram-se para visitar seu antigo professor.
 Logo a conversa parou nas queixas intermináveis sobre 'stress' no trabalho e na vida em geral.
 O professor ofereceu café, foi para a cozinha e voltou com um grande bule, e uma variedade das melhores xícaras: de porcelana, plástico, vidro, cristal, algumas simples e baratas, outras decoradas, outras caras, outras muito exóticas...
 Ele disse:
 - Pessoal, escolham suas xícaras e sirvam-se de  um pouco de café fresco.
 Quando todos o fizeram, o velho mestre limpou a garganta e calmo e pacientemente conversou com o grupo:
 - Como puderam notar, imediatamente as mais belas xícaras foram escolhidas e as mais simples e baratas ficaram por último.
Isso é natural, porque todo mundo prefere o melhor para si mesmo.
Mas essa é a causa de muitos problemas relacionados com o que vocês chamam "stress".
 Ele continuou:
 - Eu asseguro que nenhuma dessas xícaras acrescentou qualidade ao café. Na verdade, o recipiente apenas disfarça ou mostra a bebida.
O que vocês queriam, na verdade, era café, não as xícaras, mas instintivamente vocês quiseram pegar as melhores.
 Então, eles começaram a olhar para as xícaras uns dos outros.
 Agora pense nisso:
 A vida é o café.
 Trabalho, dinheiro, status, popularidade, beleza, relacionamentos, entre outros, são apenas recipientes, que dão forma e suporte à vida.
O tipo de xícara que temos não pode definir nem alterar a qualidade da vida que recebemos.
Muitas vezes, concentrando-nos apenas em escolher a melhor xícara, nos esquecemos de apreciar o café!
 As pessoas mais felizes não são as que têm o melhor, mas as que fazem o melhor com tudo o que têm!

 Então lembre-se:
 * Viva simplesmente.
 * Seja generoso.
 * Seja solidário e atencioso.
 * Fale com bondade.
Porque a pessoa mais rica não é a que mais tem, mas a que precisa menos.
 Agora desfrute o seu café !

Roger LX


A MENSAGEM DE ROGÉRIO LOUREIRO XAVIER

Olá pessoa amiga e do bem.

Bom dia abençoado pra todos nós!

Tudo tem o seu tempo...
A maior das árvores um dia foi semente.
Não precisa apressar o passo, mas acalmar o coração.
Vamos espalhar luz, idéias positivas, sugestões construtivas. Afinal estamos todos juntos no barco Brasil!!!!

"PACIÊNCIA - PERSISTÊNCIA - RESISTÊNCIA"

Semeie o bem, espalhe a paz e amor por onde for.

Roger LX


Comitiva do Brasil homenageou Pedro Álvares Cabral em Santarém

  
Comitiva do Brasil homenageou Pedro Álvares Cabral em Santarém
Oficias e alunos do Colégio Militar de Porto Alegre, capital do estado brasileiro do Rio Grande do Sul, prestou homenagem ao navegador português Pedro Álvares Cabral na Igreja da Graça, em Santarém.
A comitiva esteve na cidade de Santarém na manhã de quinta-feira, dia 23, entre as 10h e as 12h30, para uma homenagem ao navegador Pedro Álvares Cabral, descobridor do Brasil, junto ao seu tumulo na Igreja de Santa Maria da Graça.
A cerimónia prosseguiu com uma visita à Casa do Brasil.
Carlos Marçal, presidente da União de Freguesias da Cidade de Santarém, Joaquim Botas Castanho, Cônsul Honorário do Brasil em Santarém, João Augusto de Miranda Soares, diretor do Instituto dos Pupilos do Exército, e Claudio Emmanuel Faulstich Alves, comandante do Colégio Militar de Porto Alegre, “fizeram as honras na cerimónia protocolar onde se falou um pouco da ligação histórica entre Portugal e o Brasil, considerados países irmãos”, explica uma nota divulgada pelo município de Santarém.


A Igreja da Graça e a Casa do Brasil


A Igreja de Santa Maria da Graça, igualmente conhecida como Igreja de Santo Agostinho, localiza-se no Largo Pedro Álvares Cabral (também conhecido como Largo da Graça), em pleno centro histórico da cidade de Santarém.
É um dos monumentos mais emblemáticos da cidade e ainda um dos mais importantes exemplares da arte gótica no país. Desde 1910 está ali sepultado Pedro Álvares Cabral, descobridor do Brasil.
Pedro Álvares Cabral nasceu em Belmonte, na Beira Baixa, no seio de uma família nobre, por volta de 1467. Com 33 anos foi nomeado pelo rei D. Manuel I comandante da segunda armada que viajou até à Índia. Saiu de Lisboa a 9 de março de 1500 com uma esquadra de 13 navios e cerca de 1500 homens e dois meses depois um desvio de rota em busca de ventos favoráveis levou à descoberta do Brasil, a 22 de abril.
A armada retomou depois a rota original a caminho da Índia e apenas seis navios da frota regressaram a Lisboa, em julho de 1501, carregados de especiarias e outros produtos locais.
Em 1502, o navegador foi convidado a comandar a terceira expedição ao Oriente, mas desentendeu-se com o Rei e caiu em desgraça. A partir desse ano mudou-se para Santarém, na altura a segunda mais importante cidade do reino enquanto esperava ser chamado novamente pela Coroa.
Mas nunca mais lhe foi atribuída qualquer missão oficial. Ao longo dos anos terá tentado reaproximar-se da Corte, mas o monarca nunca lhe perdoou. Contudo, não o esqueceu e concedeu-lhe benefícios a partir de 1515.
Morreu por volta de 1520, relativamente esquecido. Foi sepultado em campa rasa em túmulo provisório. Quando faleceu a sua esposa, Dona Isabel de Castro, em 1538, o corpo do navegador foi exumado e a família Cabral ganhou um jazido definitivo na Igreja da Nossa Senhora da Graça.
Em Santarém, Pedro Álvares Cabral instalou-se na moradia que hoje é conhecida como Casa Do Brasil, no atual Largo que tem o seu nome.
É um edifício setecentista construído a partir de estruturas habitacionais pertencentes à família. 
No final do século XX o município de Santarém adquiriu o imóvel tornando-o num espaço-memória da relação de Santarém com os Descobrimentos e, particularmente, com o Brasil.
É um centro cultural e um importante polo de difusão cultural da cidade. A Casa do Brasil/Casa de Pedro Álvares Cabral está aberta de terça a sábado, das 9h às 12h30 e das 14h às 17h30. Encerra aos domingos e segundas-feiras.

Fonte: Mundo Português

Enviado por Antônio Soares Borges