terça-feira, 4 de fevereiro de 2014


A FAMÍLIA VERDAN (IV - final)


                                            Francisco Verdan Corrêa Neto



E a pesquisa foi avançando por todo o RJ, ES, MG, SP, PR, DF, GO, MT, RO, até o RS, AL e CE.

Cheguei a catalogar cerca de 5.000 nomes e endereços, mas nem me aproximei do total. Muitos espalharam-se cedo, a partir do início do século XX e suas pistas se apagaram, principalmente os ramos femininos em que o sobrenome de raiz desapareciam.

Em Bom Jesus (do Itabapoana/RJ e do Norte/ES) há muitos Verdan e Sueth.

Uma curiosidade: Luiz Verdan Sueth, Juiz de Paz em São José de Ubá, deixou 12 filhos, 6 assinando Verdan e 6 assinando Sueth.

Se os Verdan e Sueth de São José de Ubá não tivessem, majoritariamente, procurado outras terras em busca de trabalho, hoje a maioria dos ubaenses seria Verdan e Sueth.

Hoje, tenho 80 anos, e procuro, na medida do possível, levar aos descendentes dos Verdan-Suhett um pouco de memória da família.

Em Nova Friburgo ainda há a Fazenda Verdan, que vale a pena visitar e conhecer.

É a nossa história.


                   Francisco Verdan Corrêa Neto é professor e historiador

Um comentário:

  1. Minha avó materna, Quenciana de Lima Verdan, era filha de um Juiz de Paz, que pouco me lembro, se chamava Luiz Sueth, casado com Dona Ana, se não me engano.

    ResponderExcluir