sexta-feira, 19 de maio de 2017

Pousada dinamizará economia de Bom Jesus do Itabapoana





Está prevista para meados deste ano a inauguração da Pousada Boa Vista e de um Centro de Eventos, na região de Arraial Novo, parte alta do distrito de Calheiros, que dinamizará a economia de Bom Jesus do Itabapoana.

O empreendimento é familiar, liderado pelo casal Luís e Rosane Fitaroni, com o apoio de suas filhas Júlia e Rogéria, e dos genros Carlos e Gustavo.

O nome é decorrência do nome da Fazenda estabelecida, há vários anos, pelo avô italiano de Luís Fitaroni, que nasceu em Calheiros no dia 14/07/1952.


                     Um pouco de história da Fazenda Boa Vista

Há 5 anos atrás, O Norte Fluminense entrevistou Luís Fitaroni, que assinalou, na época: “meu bisavô Leopoldo Fitaroni veio da Itália com sua esposa, no final do século XIX, e tiveram vários filhos, entre os quais  Caetano Fitaroni e Danil”.

Segundo Luís, seus avós, Caetano Fitaroni e Carabina Fitaroni, ambos também italianos, tiveram 8 filhos: Leônidas, Eli, José, Maria, Antônio, Felipe, Élia e Cecília. 
Seu pai, Leônidas, conhecido como Levi, casou-se com com Eurides Alves Fitaroni e  teve 5 filhos: Dilma, Maria, Luís, Vanila e José.

                                           Sede da Fazenda Boa Vista


                                                         
Luís reside na Fazenda Boa Vista, que teve grande desenvolvimento há cerca de 100 anos atrás, graças principalmente ao cultivo de café.

"Meu bisavô Leopoldo construiu um casarão com cerca de 80 janelas e um engenho.  Havia duas sedes na fazenda e  plantava-se milho, arroz e cana-de-açúcar. Até hoje, pode-se ver um muro de pedras que separava o engenho, na parte de cima, dos tachos que ficavam na parte debaixo, recebendo a garapa através da gravidade", esclarece Luís.


                Luís Fitaroni e o muro de pedras que separava o  engenho dos tachos



Segundo Luís, o casarão foi depois demolido, e substituído por duas casas, sendo uma delas, onde vive atualmente com sua família. "Com as madeiras do antigo casarão foi construída esta casa".
Um porão construído de "pedras de cerca de 100 anos, foi feito com tijolo de barro batido. Não havia cerâmica na época. A madeira colocada no porão foi retirada do antigo casarão. Observe os sinais de que anteriormente a madeira ocupava a parte alta de uma casa". No porão, há ainda um "antigo pilão para pilar arroz, e onde se socavam também café e milho, para fazer canjiquinha".

"Já houve gente que sugeriu que eu derrubasse esta casa e construísse uma moderna, mas pretendo preservar o patrimônio e a memória de meus antepassados", finaliza Luís Fitaroni.

                                           Porão construído com tijolo de barro batido    

 
                                                                A POUSADA BOA VISTA

A Pousada Boa Vista foi idealizada por Luís Fitaroni, no ano passado, ocasião em que deu início à construção de um restaurante contíguo à sua residência.

Nesta primeira etapa, serão inaugurados quatro chalés para hospedagem, com restaurante. Prevê-se ainda, posteriormente, a disponibilidade de duas casas, próximas ao local.

A próxima etapa será a inauguração do Centro de Eventos, que incluirá uma choupana com capacidade para 500 (quinhentas) pessoas, contando com restaurante, piscina, sauna e acesso a uma cachoeira.

Pesque pague, visitação a uma mina d'água e tirolesa são outros projetos para a região.

Vejam o calendário de inaugurações da Pousada:

*Hospedagem com 04 chalés: inauguração até julho 2017;
*Centro de eventos com capacidade entre 500 e 600 pessoas:  inauguração até setembro 2017;
*Restaurante com vista panorâmica: inauguração até setembro 2017;
*Pesque-pague: inauguração até setembro 2017;
*Pedalinhos: inauguração até setembro 2017;
*Campo de futebol society: inauguração até setembro 2017;
*Caminhadas ecológicas: inauguração até setembro 2017;
*Visitação à mina natural de água potável: inauguração até setembro 2017;
*Acompanhamento de retirada de leite: inauguração até setembro 2017;
*Passeios a cavalo e charrete: inauguração até setembro 2017;
*Piscinas: inauguração até dezembro 2017;
*Sauna: inauguração até dezembro 2017;
*Tirolesa: projeto ainda em análise.






Chalés






Alex Quiosqueiro, Gustavo, Rogéria, Júlia, Carlos, Luís Fitaroni e André Luis de Oliveira


Choupana do Centro de Eventos terá capacidade para 500 pessoas






O idealismo de Luís Fitaroni: desenvolvimento econômico com preservação da história e da natureza 

.

7 comentários:

  1. Parabéns pelo empreendimento.A preservação da história tanto familiar como do patrimônio trará mais turistas para nossa região.
    O meio ambiente é fundamental para as futuras gerações.










    ResponderExcluir
  2. Como educadora fico feliz com o empreendimento em nosso espaço,assim trazendo outros para tb desfrutar dos conhecimentos q p ambiente pode trazer. Espero q tb não seja de auto custo ,assim atingirão outros.

    ResponderExcluir
  3. Fico muitíssimo feliz com a iniciativa dos conterrâneos bonjesuenses em preservados as característica culturais da região.
    Saudações musicais.
    https://www.palcomp3.com/ademirfdesouza/

    ResponderExcluir