segunda-feira, 28 de março de 2016

O ACERVO DO MEMORIAL GOVERNADORES ROBERTO E BADGER SILVEIRA




Desde agosto de 2014, quando restou lançada a pedra fundamental do Memorial Governadores Roberto e Badger Silveira, no Sítio Rio Preto - onde nasceram Roberto, Badger, Zequinha, Dinah e Maria da Penha Silveira - o acervo tem crescido, assim como as placas indicativas sobre a importância histórica do local.



Foi no Sítio Rio Preto que Boanerges Borges da Silveira, pai dos governadores, teve uma reviravolta em sua vida: passou a dormir cedo, e levantar da cama no final da madrugada. Capinou, plantou e colheu os primeiros frutos de uma pequena lavoura.



Foi no Sítio Rio Preto, também, onde ocorreu seu primeiro drama: a morte do recém-nascido Colombo, nome dado em homenagem ao médico Colombino Teixeira, primo de Biluca, a esposa de Boanerges, que fizera o parto.



 

Boanerges compôs, então, os seguintes versos para seu filho:

" Vestido de azul num caixãozinho
de lilás de nívea transparência
ele tinha entre as mãos um ramozinho de flores
e perfume de inocência...
vi meu filho
Tinha a face escorada meio branca
qual flor caída que perdera o brilho
a poucos passos he esperava a campa
e abrindo no espaço, um vão, um trilho... 
foi-se meu filho"

Outro susto, ocorrido no Sítio Rio Preto, foi quando Badger Silveira, com dois anos e meio, teve gripe espanhola, que matou mais de vinte milhões de pessoas no mundo. Dois empregados chegaram a morrer dessa gripe, mas Badger conseguiu se recuperar.

Vejam algumas fotos atuais do Sítio Rio Preto.















No dia 02 de abril, ocorrerá o 1º Festival do Pastel e do Quibe, no Sítio Rio Preto, em favor das obras do Memorial. O valor do ingresso é de R$8,00. 





Apoios e contato para informações com Cintia de Oliveira Santos Nunes, diretora do Memorial. As contribuições financeiras devem ser informadas por e-mail, para identificação do colaborador e para fins de registro do nome em placa que será fixada por ocasião da inauguração do Memorial.

(cinttianunes@gmail.com e 022-999989395)

Conta Corrente:
Ag:0178
CC:24328-8
Caixa Econômica Federal







FAÇA PARTE DESTA HISTÓRIA!

COLABORE COM UM DOS ITENS ABAIXO PARA A EDIFICAÇÃO DA PARTE BAIXA DO MEMORIAL


a)     84 vergalhão 4.2

b)    420 vergalhão ¼

c)     100 vergalhão 3/8

d)    24 vergalhão  ½

e)     10 vergalhão 5/8

f)      20 kg arame 18

g)     10 kg prego 18/30

h)    150 taipá

i)       350 sacos de cimento

j)       5.000 lajotas

k)    40 m3 areia lavada

l)       40m3  brita




A planta do Memorial Governadores Roberto e Badger Silveira



4 comentários:

  1. Merecida homenagem ao Badger e Roberto..!

    ResponderExcluir
  2. ESTE MATERIAL DA PARA CONSTRUIR VÁRIAS CASINHAS POPULARES, PARA OS SEM TETO.

    ResponderExcluir
  3. ESTE MATERIAL DA PARA CONSTRUIR VÁRIAS CASINHAS POPULARES, PARA OS SEM TETO.

    ResponderExcluir